A minha colecção de imbondeiros

Desde há muito que os imbondeiros me fascinam! Penso ter visto pela primeira vez um imbondeiro ainda não teria 10 anos de idade... Ao longo dos anos fui tirando fotografias e guardando... aqui fica uma selecção entre as centenas que tirei.
Esta árvore, que chega a atingir os 25 metros de altura (excepcionalmente 30m) e o diâmetro de 7m (podendo chegar aos 11m) é também conhecida por baobá, embondeiro, ou calabaceira. Opto por imbondeiro porque foi este o nome que "aprendi" em criança.
Esta árvore majestosa desenvolve-se bem em zonas sazonalmente áridas. São árvores de folhas caducas, que caem durante a época seca e têm duas, por certo entre muitas, particularidades: a sua capacidade de armazenamento de água dentro do tronco (pode chegar aos 120 mil litros!) e a sua madeira não tem anéis, o que torna impossível a confirmação pelos botânicos da idade das árvores que em alguns locais têm fama de ter milhares de anos.
Existem oito espécies diferentes, sendo seis nativas de Madagácar, outra do Continente Africano e Médio Oriente e uma outra da Austrália.
O imbondeiro figura no escudo nacional do Senegal e é a árvore nacional de Madagáscar.

Sem comentários: